• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
Directora: Inês Vidal   |     Sexta, 22 de Setembro de 2017
Pesquisar...
Seg.
 26° / 16°
Períodos nublados
Dom.
 29° / 11°
Períodos nublados
Sáb.
 28° / 13°
Períodos nublados
Torres Novas
Hoje  28° / 14°
Períodos nublados
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

O que é uma deficiência nutricional?

Opinião  »  2017-07-08  »  Juvenal Silva

"A má qualidade de alimentos pode ser também uma das causas da falta de nutrientes"

Diz-se deficiência nutricional quando certos nutrientes como vitaminas, minerais, hidratos de carbono, lípidos, proteínas, que são essências, estão ausentes na alimentação quotidiana e colocam em risco o equilíbrio do organismo, pela diminuição da força vital.
As deficiências nutricionais são a causa de diversos problemas de saúde e ocorrem sobretudo em mulheres grávidas e mulheres em idade fértil, na população idosa, infantil, dietas de emagrecimento e vegetarianas, que não são acompanhadas por profissionais de saúde qualificados.
A má qualidade de alimentos pode ser também uma das causas da falta de nutrientes, pela carga tóxica de produtos químicos e conservantes, destruidores de nutrientes.
As doenças oncológicas do cólon e distúrbios gastrointestinais, gravidez, certos medicamentos, também podem causar deficiências nutricionais.
A má absorção é um fator que pode ocorrer quando o alimento contém o nutriente mas o organismo não o consegue absorver devido a problemas no sistema digestivo.
Os sintomas de deficiência nutricional variam de acordo com os nutrientes em falta e vários são os sinais que devem alertar para a possibilidade de deficiência: fadiga, falta de apetite, pele pálida, perda de cabelo, prisão de ventre, distúrbios cardíacos, palpitações, depressão, falta de memória e concentração.
Estes sintomas podem não aparecer juntos e, podem ter outras causas, mas quando persistem e perturbam a qualidade de vida, é aconselhável consulta médica.

Como evitar as deficiências nutricionais?
A melhor maneira é adotar uma alimentação variada e saudável, capaz de dar suporte às necessidades vitais do organismo. Contudo e, considerando que a maioria dos alimentos que hoje consumimos estão desprovidos de nutrientes suficientes, pela excessiva utilização de aditivos ou fertilizantes químicos, é importante ingerir periodicamente suplementos naturais ricos em vitaminas e minerais.
Deficiências nutricionais mais comuns – Com recorrência as insuficiências nutricionais variam entre o ferro, cálcio, magnésio, vitamina D e zinco.
Deficiência de ferro – O ferro é essencial na formação dos glóbulos vermelhos e no transporte de oxigénio a todo o organismo. Segundo a Organização Mundial de Saúde, a deficiência é comum em cerca de 30% da população mundial, sendo causadora de anemia ferropriva.
Deficiência de magnésio – Afeta cerca de 23% das mulheres e 18% dos homens, provocando stress, fadiga, irritabilidade, cãibras musculares e espasmos.
Deficiência de vitamina D – Afeta mais de 50% da população. Esta vitamina desempenha um papel importante na saúde óssea, particularmente no desenvolvimento dos ossos e dentes.
Deficiência de cálcio – Afeta principalmente mulheres na pós-menopausa e idosos. Não sendo visível no curto prazo, o défice prolongado provoca falha de massa óssea e osteoporose.
Défice de zinco – É muito comum e pode causar fadiga, constipações recorrentes, falta de apetite e depressão. Alcoólicos, diabéticos, pessoas com problemas renais ou distúrbios de absorção digestiva e infetadas com HIV, são mais propensas a sofrer esta deficiência.
Deficiências de vitaminas – As vitaminas são contributos essenciais para o crescimento, equilíbrio da saúde tanto física como mental.

Quais os alimentos que ajudam a prevenir as deficiências mais comuns?
Alimentos ricos em ferro – Carnes, peixe, ovos, verduras de folha verde escura, vegetais coloridos, leguminosas, oleaginosas moluscos, ostras, spirulina.
Alimentos ricos em magnésio – Mariscos e peixes, sementes, cacau, nozes, verduras, algas marinhas.
Alimentos ricos em vitamina D – Produtos lácteos, salmão, truta e óleo de fígado de bacalhau. Além disso, a exposição ao sol possibilita a produção desta vitamina através da pele.
Alimentos ricos em cálcio – Produtos lácteos, peixe, girassol, gergelim (sésamo), legumes, vegetais verdes, nozes, amêndoas.
Alimentos ricos em zinco – Ostras, camarão, carnes frango, peru, vaca, peixe, gérmen de trigo,grãos integrais, legumes, tubérculos, sementes de abóbora, amêndoas.
Avitaminose – É um conjunto de doenças provocadas pela falta ou deficiência de vitaminas no organismo, comuns nas pessoas que consomem pouca fruta, verduras e vegetais coloridos.

 

 

 Outras notícias - Opinião


Agências de rating »  2017-09-21  »  Jorge Carreira Maia

Há uma tendência – à esquerda do PS – para censurar continuamente as agências de rating e o papel que elas têm tido na dívida portuguesa. E como consequência dessa censura dizer-se que as avaliações delas não devem ser tidas em conta, o que interessa é a vida dos portugueses e não a opinião de agências de especuladores.
(ler mais...)


Peculiaridades Torrejanas »  2017-09-20  »  Jorge Cordeiro Simões

 

Em tempo de balanço e escolha das melhores soluções para o Governo da nossa autarquia, quero deixar aos futuros edis que vierem a ser eleitos para os diversos cargos, contributos que julgo deverem ser tidos em conta para o seu bom desempenho:
- Que consiga recordar, das cidades portuguesas (e mesmo de algumas vilas) que conheço, Torres Novas é a única que não dispõe de qualquer troço de ciclovia ou ecopista, embora tenha nas redondezas zonas belíssimas onde as mesmas podem ser executadas.
(ler mais...)


Vamos? »  2017-09-20  »  Inês Vidal

Dizem que a idade é um posto e que quantos mais anos temos, mais nos negamos aos fretes, aos sapos engolidos, ao que os outros pensam de nós. Das duas uma: ou estou muito velha ou não quero imaginar como serei quando chegar aos 90.
(ler mais...)


A importância dos intestinos na saúde humana »  2017-09-20  »  Juvenal Silva

Às vezes, sinto uma certa frustração, quando repetidamente tento sensibilizar as pessoas para um estilo de vida saudável, evitando excessos e erros alimentares.

Sinto uma inquietação quando as pessoas pensam que tudo se resolve com remédios, sejam de que natureza seja, químicos ou naturais.
(ler mais...)


A "solução" »  2017-09-11  »  Hélder Dias

As eleições em Loures »  2017-09-07  »  Jorge Carreira Maia

De todas as eleições municipais, a mais importante é a de Loures. Isso deve-se à mobilização por André Ventura (PSD) de temas que têm estado afastados da vida política nacional.
(ler mais...)


A cegueira »  2017-08-26  »  Jorge Carreira Maia

Poder-se-á pensar que os ataques terroristas na Europa (à data que escrevo, os últimos deram-se em Espanha e na Finlândia) devem ser tratados como os ataques que, em períodos anteriores da nossa História, ocorreram nesta mesma Europa.
(ler mais...)


Antigo hospital »  2017-08-22  »  António Gomes

Primeiro foi a mentira, seria a sede do município, até fazia algum consenso na sociedade torrejana, as atuais instalações são exíguas, não oferecem as condições de funcionamento que uma instituição como a CM deve ter, mas afinal deixou de ser a sede do município para ser um espaço cultural, não se explica porquê e para quê.
(ler mais...)


Melancia hidrata o corpo e protege o coração »  2017-08-22  »  Juvenal Silva

A melancia é um símbolo das frutas de verão, por ser refrescante e pouco calórica. Além de ser deliciosa, tem propriedades nutricionais muito benéficas, como por exemplo o licopeno, um antioxidante por excelência, superando mesmo o tomate na sua concentração.
(ler mais...)


As relações PCP e BE »  2017-08-03  »  Jorge Carreira Maia

Uma meditação política antes de férias. No actual arranjo governativo há uma situação a que não se dá a atenção que merece. O governo depende dos acordos na Assembleia com o BE e o PCP.
(ler mais...)

 Mais lidas - Opinião (últimos 10 dias)
»  2017-09-20  »  Inês Vidal Vamos?
»  2017-09-21  »  Jorge Carreira Maia Agências de rating
»  2017-09-20  »  Jorge Cordeiro Simões Peculiaridades Torrejanas