• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Quarta, 18 Setembro 2019    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Sáb.
 22° / 17°
Céu nublado com chuva moderada
Sex.
 29° / 16°
Céu nublado
Qui.
 29° / 16°
Céu nublado
Torres Novas
Hoje  30° / 16°
Períodos nublados
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Morreu Francisco Canais Rocha, fundador da ARPE, historiador e antigo dirigente do PCP

Sociedade  »  2014-08-10 

Morreu hoje, domingo, Francisco Canais Rocha, combatente anti-fascista, ex-preso político, antigo dirigente do PCP, primeiro coordenador da CGTP e historiador. Contava 84 anos e residia em Torres Novas, onde nasceu em 1930.

Desde muito novo, Francisco Canais Rocha envolveu-se no movimento associativo torrejano (foi fundador do núcleo campista “Raiar da Aurora”) e nos movimentos locais de oposição ao regime salazarista. Após a escolaridade básica começou a trabalhar como marceneiro na oficina de Alberto Sepodes, figura lendária do republicanismo local e depois próximo do PCP, passou pelas metalúrgicas Lourenço & irmão e Costa Nery.

A sua actividade sindical levou-o à primeira prisão, em 1952, mas o cárcere não o desmobilizou: funda as estruturas sindicais dos trabalhadores metalúrgicos, concelhias e distritais, integra direcções locais e regionais do PCP e adere às comissões de apoio às candidaturas de Arlindo Vicente e Humberto Delgado, em 1958. Em 1961 integrou a delegação dos trabalhadores portugueses ao V Congresso da Federação Sindical Mundial, realizado em  Moscovo.

Em 1968 foi de novo preso pela PIDE, tendo sido condenado a 5 anos de prisão. Liberto da cadeia de Peniche em 1973, emprega-se no Sindicato dos Jornalistas e no Sindicato dos Electricistas e integra o grupo fundador da Intersindical, de que foi o primeiro coordenador-geral. Tinha passado, entretanto, largos anos como dirigente de cúpula do PCP, de que foi funcionário clandestino, tendo ocupado responsabilidades políticas de alto grau enquanto responsável de direcções regionais do partido, como a do Porto.

Em Maio de 1974 é eleito delegado dos trabalhadores portugueses à 59ª Conferência Internacional do Trabalho (OTI), realizada em Genebra. Aquando da formação do primeiro governo provisório saído do golpe militar do 25 de Abril, Francisco Canais Rocha, tido como muito próximo de Álvaro Cunhal, esteve indigitado para ocupar a pasta do Trabalho, cenário que não viria a concretizar-se.

Continuou a sua actividade de dirigente sindical e acabou por licenciar-se em História e atingir ainda o grau de mestre em História Contemporânea. Dedicou-se, depois, à investigação nas áreas da história do sindicalismo e do movimento operário Publicou dezenas de artigos sobre a história do movimento operário e sindical e uma monografia sobre a história do movimento operário em Torres Novas, editada pelo município.

Com a reforma regressou a Torres Novas e, em 1996, funda a ARPE, de que foi presidente. Em 1998, funda a Federação dos Reformados do Ribatejo, a que presidiu e, em 2002, a União das Colectividades e Associações de Torres Novas, de que também foi presidente. Em 2003, o município de Torres Novas atribuiu-lhe Medalha de Mérito Cultural.

O funeral de Francisco Canais Rocha realiza-se amanhã, segunda-feira, pelas 16 horas, a partir da casa mortuária de Torres Nocas para o cemitério local.

 

 

 Outras notícias - Sociedade


Conjunto arqueológico monumental descoberto na aldeia da Mata »  2019-09-06 

A designação de “poços” utilizada no ante-título é meramente ilustrativa: trata-se de quase cinco dezenas de estruturas escavadas, de forma cilíndrica, descobertas durante os trabalhos de saneamento da aldeia.
(ler mais...)


Inédito: Torres Novas às escuras há duas noites seguidas »  2019-09-05 

Quando ontem, quarta-feira, ao anoitecer, se verificou que praticamente todo o centro histórico de Torres Novas estava sem uma única lâmpada de iluminação pública, pensou tratar-se de uma momentânea avaria.
(ler mais...)


Câmara: 80 mil para cultura e desporto, o mesmo que quer gastar nos repuxos da rotunda »  2019-08-31 

O executivo municipal aprovou por unanimidade, na reunião ordinária de 6 de Agosto, um conjunto de apoios nas áreas da cultura e do desporto que ascendem a cerca de 80 mil euros. Isto relativo à actividade de um ano, o mesmo que vai gastar nas traquitanas de um repuxo (ver peça mais abaixo).
(ler mais...)


Amália Moita: morreu uma centenária »  2019-08-28 

Há pouco mais de um ano, 18 de Julho de 2018, o JT noticiava que Torres Novas tinha mais uma mulher a atingir a idade de 100 anos: tratava-se de Amália Moita, natural de Alcorochel, aldeia onde sempre viveu, apesar de nas últimas décadas passar temporadas também em Torres Novas, em casa de uma das filhas.
(ler mais...)


Torres Novas: manuais gratuitos para o 3.º CEB e secundário »  2019-08-15 

O executivo municipal aprovou por unanimidade o alargamento da distribuição gratuita de manuais escolares aos alunos do escalão A e B do 3.º CEB (ciclo do ensino básico) e ensino secundário.

“No âmbito das competências de acção social da câmara, já são comparticipados os cadernos de actividades aos alunos até ao 6.
(ler mais...)


Legislativas: mulheres chegam-se à frente na região mais marialva do antigamente »  2019-08-09 

No Ribatejo, aquele Ribatejo marialva de antigamente, já nada é o que era. Quatro dos cinco partidos com representação parlamentar no distrito, PS, PSD, CDS e Bloco apresentam mulheres como cabeças de lista às legislativas de Outubro.
(ler mais...)


Pias Longas: QUERCUS exige responsabilidades e arrasa autarquias »  2019-07-26 

A QUERCUS acaba de tomar posição sobre os aterros ilegais do aeródromo de Pias Longas e é contundente: faz notar que mesmo após o embargo da Câmara de Ourém, continuaram os aterros, que se traduzem no “grave atentado ambiental”.
(ler mais...)


Pias Longas: aterros já chegam aos caminhos e trilhos utilizados por população e desportistas »  2019-07-22 

 

Os aterros, constituídos por toneladas de pedras e terra, que pretendem alongar a pista do aeródromo de Pias Longas, na fronteira entre os concelho de Ourém e Torres Novas, continuam em marcha, apesar do alegado embargo decretado pela câmara de Ourém e da alegada comunicação da câmara de Torres Novas junto do município vizinho.
(ler mais...)


Olá cidade! »  2019-07-09 

Torres Novas comemorou ontem, dia 8 de Julho, mais um aniversário da elevação a cidade. Dias antes, terá havido em local apropriado mais uma jornada, mais uma, de apresentação de obras digitais. Milhões de flores entre as ruínas, como diz a canção.
(ler mais...)


Legislativas: PSD agastado, PS calado, Bloco rachado, PCP ao lado »  2019-07-06 

As listas dos candidatos às legislativas de Outubro, pelo distrito de Santarém, estão na ordem do dia e mobilizam as máquinas partidárias. São processos em que corre sempre algum sangue, com os contendores a evocarem “a vontade do povo”, “o povo do distrito” e outros argumentos patéticos para justificar intenções, vontade e decisões, quando elas passam e só, pela arregimentação de militantes.
(ler mais...)

 Mais lidas - Sociedade (últimos 30 dias)
»  2019-09-05  Inédito: Torres Novas às escuras há duas noites seguidas
»  2019-08-31  Câmara: 80 mil para cultura e desporto, o mesmo que quer gastar nos repuxos da rotunda
»  2019-09-06  Conjunto arqueológico monumental descoberto na aldeia da Mata
»  2019-08-28  Amália Moita: morreu uma centenária