• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Terça, 23 Abril 2019    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Sex.
 17° / 7°
Céu nublado
Qui.
 16° / 9°
Períodos nublados com chuva fraca
Qua.
 17° / 8°
Céu nublado com chuva moderada
Torres Novas
Hoje  14° / 8°
Períodos nublados com chuva fraca
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Emigração em Torres Novas (1958-1974) é tema de livro de Jorge Salgado Simões

Cultura  »  2019-04-10 

Está aprazada para o próximo dia 27 de abril, às 17h30, a apresentação do novo livro de Jorge Salgado Simões, intitulado de “Para melhorar a situação: os processos da Junta da Emigração no Arquivo Municipal de Torres Novas (1958-1974)”.

A sessão, aberta à participação pública, realiza-se na sede da Banda Operária Torrejana, no Largo do Paço, e contará intervenções de Jorge Macaísta Malheiros, geógrafo, professor da Universidade de Lisboa e especialista em migrações e geografia da população, e de João Carlos Lopes, antropólogo e autor de algumas publicações sobre Torres Novas.

O livro é uma edição de autor e resulta de uma investigação particular, realizada nos últimos anos por Jorge salgado Simões, a partir de fundos documentais do Arquivo Histórico Municipal de Torres Novas.

No caso, a investigação centrou-se nos processos da Junta da Emigração relativos ao período 1958/1974 e que se encontram no Arquivo Municipal, e traduz-se numa abordagem de aspectos quantitativos e analíticos desse fenómeno que marcou o país e também Torres Novas (quantos foram, quem eram, de onde saíram e para onde foram os emigrantes torrejanos, neste período que antecedeu o 25 de Abril).

Registe-se que Junta da Emigração foi o organismo que o Estado Novo criou para tentar regular o fenómeno da emigração, criando mesmo um procedimento de autorização cujo processo era instruído nas câmaras municipais.

É a partir dos mais de 2.300 processos de emigração de Torres Novas e dos dados que os seus requerentes apresentaram que o autor efectua a análise, alinhando algumas conclusões que caracterizam este momento particular da história portuguesa e que teve também um impacto significativo na população torrejana, até hoje nunca estudado.

Sobre o autor
Funcionário municipal, Jorge Salgado Simões, actual chefe de divisão de Educação, Cultura e Desporto da Câmara Municipal de Torres Novas, é geógrafo com mestrado em Sociologia (especialização em Cidades e Culturas Urbanas, pela Universidade de Coimbra). Tem outras duas obras sobre Torres Novas, ambas edições municipais, uma datada de 2008, de caracterização demográfica do concelho a partir dos dados dos censos, e a recente edição infantil “Lapas, as grutas que não são grutas”, de 2018, que recebeu, há dias, o prémio nacional “Acesso Cultura - linguagem clara”. É colaborador do Jornal Torrejano e também da rádio Torres Novas FM, onde tem actualmente a crónica semanal “Praça dos Homens”, que passa às terça-feiras.

 

 

 Outras notícias - Cultura


Andreia Carreira - mulher, mãe, médica, música e maestrina: “A maternidade foi a única coisa que me fez sentir diferente por ser mulher” »  2019-04-20 

Andreia Carreira tem 35 anos e é natural de Torres Novas. É médica, mãe, mulher. Toca clarinete na Banda da Mata e frequenta o curso de direcção de banda e coro no Orfeão Foz Douro, no Porto, uma formação que sentiu necessidade de fazer para melhor cumprir a sua tarefa de maestrina na banda Nabantina, de Tomar.
(ler mais...)


Bons Sons: Júlio Pereira a fechar a grande festa da música portuguesa deste ano »  2019-04-19 

Diabo na Cruz, First Breath After Coma + Noiserv, Glockenwise + JP Simões, Joana Espadinha + Benjamim, Lodo + Peixe, Sensible Soccers + Tiago Sami Pereira, Sopa de Pedra + Joana Gama, são alguns dos nomes do enrome cartaz artísitico do BONS SONS deste ano, numa edição que vai encerrar com Júlio Pereira, que recentemente ganhou o prémio José Afonso com o seu álbum Praça do Comércio.
(ler mais...)


Mira de Aire: teatro a favor do Círculo Cultural, a 27 e 28 »  2019-04-19 

A pretexto da efeméride da elevação de Mira de Aire a vila, o Círculo Cultural Mirense leva à cena a peça “O Gato”, na Casa da Cultura, nos dias 27 e 28 de Abril (sábado e domingo, às 21H30 e 15H30, respectivamente), com receitas a favor das obras da sede do Círculo Cultural.
(ler mais...)


D. Pedro de Lencastre é tema da 10.ª edição da feira de época de Torres Novas »  2019-04-06 

Com o tema «Tempos Sombrios - D. Pedro de Lencastre, inquisidor-geral do reino», Torres Novas volta a recuar no tempo com a sua décima edição da feira de época que este ano tem lugar de 29 de maio a 2 de junho.
(ler mais...)


Gravações inéditas de José Afonso apresentadas também em Torres Novas »  2019-03-15 

O livro, cds e disco de vinil, “José Afonso ao Vivo”, contendo gravações inéditas de dois concertos de José Afonso, numa edição da TradiSom, vai ter apresentação pública também em Torres Novas, no dia 22 de Abril.
(ler mais...)


Pedro Abrunhosa deixou Torres Novas ao rubro »  2019-01-13 

Pedro Abrunhosa actuou em Torres Novas, em dose dupla: ao concerto do dia 12 de Janeiro, em que os bilhetes esgotaram num ápice, foi agendado um segundo concerto (para o dia 11) e esteve em cima da mesa a possibilidade de fazer um terceiro espectáculo.
(ler mais...)


Concerto de Reis é domingo às 17 horas »  2019-01-03 

O tradicional concerto de Reis do Choral Phydellius, que abre o ano musical em Torres Novas, realiza-se no domingo, pelas 17 horas, na Igreja do Carmo.

Participam no programa as classes do Conservatório, o coro juvenil e o Choral Phydellius, dirigido pela maestro João Branco.
(ler mais...)


Alcanena: concerto de Ano Novo com a filarmónica de Minde »  2019-01-01 

O Cine-Teatro São Pedro recebe, no dia 5 de Janeiro de 2019, sábado, às 21H30, o concerto de Ano Novo, pela banda filarmónica da Sociedade Musical Mindense, sob a direcção do maestro João Carlos Roque Gameiro.
(ler mais...)


Torres Novas: Colectivo 249 abre portas no Lamego »  2018-12-22 

“Cuidado com o degrau” é o aviso de abertura, mas também pode ser uma metáfora: o mundo está cheio de degraus que é preciso subir e descer em segurança para agarrar os tempos conturbados e interessantes que vivemos.
(ler mais...)

 Mais lidas - Cultura (últimos 30 dias)
»  2019-04-20  Andreia Carreira - mulher, mãe, médica, música e maestrina: “A maternidade foi a única coisa que me fez sentir diferente por ser mulher”
»  2019-04-06  D. Pedro de Lencastre é tema da 10.ª edição da feira de época de Torres Novas
»  2019-04-10  Emigração em Torres Novas (1958-1974) é tema de livro de Jorge Salgado Simões
»  2019-04-19  Mira de Aire: teatro a favor do Círculo Cultural, a 27 e 28
»  2019-04-19  Bons Sons: Júlio Pereira a fechar a grande festa da música portuguesa deste ano