• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Segunda, 06 Julho 2020    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Qui.
 37° / 16°
Céu limpo
Qua.
 32° / 16°
Céu limpo
Ter.
 38° / 17°
Céu limpo
Torres Novas
Hoje  39° / 18°
Céu limpo
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Hospital: regressam rumores sobre a saída da Pediatria para Abrantes

Sociedade  »  2020-06-14 

A gradual desqualificação do Hospital Rainha Santa Isabel (HRSI), de Torres Novas, volta a estar na ordem do dia e agora com um assunto que será determinante para a sua continuidade enquanto unidade hospitalar do CHMT a par das unidades de Abrantes e Tomar: a saída da urgência da Pediatria, a jóia da coroa do HRSI, de Torres Novas para Abrantes.

O assunto já roda nas chamadas redes sociais e o “diz que diz” é muitas vezes inimigo da realidade, mas quando o histórico e prestigiado antigo director da Pediatria de Torres Novas lança publicamente o aviso, é sinal de que alguma coisa se está a mover: “A Pediatria em Torres Novas só sobreviverá se tiver apoio de especialidades importantes como a anestesiologia e a ginecologia/ obstetrícia. É altura, como tem acontecido em Tomar e Abrantes, de os torrejanos serem mais bairristas no bom sentido da palavra. A única forma de valorizar esta unidade é criar o pólo materno-infantil com uma importante zona de influência. Não tenhamos dúvidas”. Foi desta forma que Aníbal Teixeira, pessoa algo reservada e que não fala por falar, se referiu à possibilidade da saída da Pediatria do CHMT de Torres Novas para o hospital de Abrantes.

É uma verdade que, a continuarem as coisas como estão, a maternidade em Abrantes não tem futuro. Os alarmes soaram com os dados demográficos e estatísticos conhecidos ultimamente, que ditam um acentuado decréscimo da população no concelho de Abrantes e limítrofes, e números de natalidade que ficam aquém dos de Torres Novas/Entroncamento/Alcanena. Em Torres Novas nascem mais bebés, e verificou-se que, com a estadia temporária da maternidade em Torres Novas, o número de partos da maternidade terá sido superior aos verificados quando ela se encontra em Abrantes. É um dado público que no mês de Abril realizaram-se em Torres Novas cerca de 70 partos a mais do que em Abrantes no mês homólogo do anopassado. Algumas mulheres que optariam por Leiria ou mesmo Coimbra, como acontece vulgarmente, neste contexto parecem ter escolhido ter os filhos em Torres Novas, enquanto aqui esteve a unidade de partos.

Neste cenário, e tendo em conta travar a crescente irrelevância da unidade de partos em Abrantes (a partir de um certo número de partos não pode funcionar), a estratégia será densificar os sectores médicos de apoio à maternidade, mantendo ou aumentando as especialidades associadas. A mudança da urgência pediátrica, de Torres Novas para Abrantes, seria uma manobra indispensável. Nesse sentido, terá sido pedido, por um director de serviços do CHMT, de Abrantes, um parecer à Ordem dos Médicos no sentido de esta agremiação se pronunciar sobre se existem condições para a manutenção da Pediatria no Hospital de Torres Novas. Ora, um parecer desta natureza e neste contexto, não é pedido só para passar o tempo.

HRSI: o parente pobre do CHMT

A verdade é que o Hospital Rainha Santa Isabel, de Torres Novas, parece arredado das decisões estratégicas que visam reforçar as unidades de Abrantes e Tomar. Em Torres Novas, nem para a tinta há dinheiro, mas isso seria irrelevante ao pé de outros sinais. Ainda há poucos meses o hospital de Tomar foi presenteado com um aparelho de TAC. Assim, só o hospital de Torres Novas não possui essa tecnologia, o que motivou uma posição política do PCP.  Os comunistas, através da Comissão Concelhia de Torres Novas do Partido Comunista Português, dirigiram há dias uma carta ao conselho de administração do Centro Hospitalar do Médio Tejo reivindicando a aquisição e instalação de um equipamento de TAC na Unidade Hospitalar de Torres Novas, sublinhando os ganhos em comodidade e saúde para os utentes que tal representaria e recordando “que dos três hospitais do CHMT, apenas o de Torres Novas não dispõe daquela valência”.

Também há poucos dias, teve significado político a visita oficial da presidente da câmara de Tomar à unidade da cidade do Nabão, ouvindo por parte da administração do CHMT a vontade inequívoca de melhorar as valências daquele hospital. “O Serviço de Patologia Clínica [em Tomar], do Centro Hospitalar do Médio Tejo, é um dos mais capacitados do país”, referiu na oportunidade o presidente do conselho de administração do CHMT, falando da importância estratégica daquel serviço sedeado no Hospital de Nossa Senhora da Graça, em Tomar.

De resto, o CHMT foi agraciado há dias com a medalha de mérito municipal pelo Município de Abrantes, no dia da cidade, uma distinção justificada por Jorge Manuel Valamatos, presidente da Câmara Municipal de Abrantes, como “reconhecimento, orgulho e agradecimento para com o Centro Hospitalar do Médio Tejo – Hospital de Abrantes, e para com todos os seus profissionais, nas mais diversas actividades.”

O JT contactou a assessoria de imprensa do CHMT para que confirmasse o pedido de parecer sobre a manutenção da Pediatria em Torres Novas, mas ainda não obteve resposta.

 

 

 Outras notícias - Sociedade


Obras põem a descoberto um rio Almonda cheio de lixo »  2020-07-05 

Sempre que se falava da falta de limpeza do rio Almonda, do leito e das margens, apontava-se para o chamado troço urbano para se dizer, em jeito de compensação, “ah, mas na cidade temos um rio limpo que até dá para tomar banho”.
(ler mais...)


António Rodrigues: “A gestão do município não é má, é péssima!” »  2020-07-03 

A pergunta que todos fazem ainda não tem resposta: António Rodrigues, ex-presidente da câmara de Torres Novas durante 20 anos (1993-2013), não confirmou que será candidato às próximas autárquicas, mas essa hipótese não fica excluída.
(ler mais...)


Riachos: obra sem licença avança a todo o vapor »  2020-07-02 

“Chegou ao conhecimento do BE que, na rua de São José, em Riachos, está a decorrer uma obra que aparentemente não tem licença de construção. Desloquei-me ao local e verifiquei que, por um lado, a obra está em adiantado estado de execução e por outro, que o aviso camarário está em estado avançado de degradação, impossibilitando o acesso às informações nele constantes, como se pode comprovar pelas fotografias.
(ler mais...)


Morreu Manuel Piranga Faria, um homem grande »  2020-06-28 

Morreu na madrugada de hoje, domingo, na sua casa de Lapas, Manuel Piranga Faria, uma das personalidades marcantes da comunidade torrejana das últimas décadas.

Nascido em Lapas em 29 de Julho de 1932, desde muito jovem enveredou pela participação cívica, integrando a acção social e cultural católica junto da juventude trabalhadora por via da militância na JOC e na LOC (Liga Operária Católica).
(ler mais...)


Fabrióleo: Tribunal Central Administrativo abre portas ao encerramento da empresa »  2020-06-25 

O Tribunal Central Administrativo do Sul, sediado em Évora, deu provimento, por sentença de 18 de Junho, ao recurso do IAPMEI sobre a providência cautelar apresentada pela Fabrióleo no Tribunal Administrativo de Leiria, o que, na prática, mantém a ordem de encerramento da empresa.
(ler mais...)


Caldeirão: obra está no início mas já tem 45 mil de custos a mais »  2020-06-24 

A denúncia é do vereador João Quaresma, do PSD, e foi feita após a reunião do executivo municipal torrejano de ontem, dia 23. Os factos: a obra de requalificação da antiga central do Caldeirão está praticamente no seu início e já se descobriram 45 mil euros de trabalhos a mais a pagar pelo erário público.
(ler mais...)


Maioria socialista decidiu alterar quadro e criar vários cargos de chefia »  2020-06-23 

“Justifica-se que a acompanhar a proposta, viesse um documentos subscrito pelo presidente da câmara e vereadores com pelouros atribuídos, o que não aconteceu” – disse o vereador do PSD, João Quaresma, na reunião do executivo municipal do passado dia 2 de Junho, perante uma proposta da maioria socialista de alteração do organograma dos serviços municipais e de alteração do quadro do pessoal.
(ler mais...)


Assembleia Municipal: Manuel Carvalho "passa-se" com Luís Silva »  2020-06-23 

Um dos melhores bocados da Assembleia Municipal de Torres Novas, realizada no sábado, estava guardado para o fim, e envolveu Manuel Carvalho Júnior, presidente da Junta das freguesias de Brogueira, Alcorochel e Parceiros da Igreja, e Luís Silva, vice-presidente da câmara e chefe dos socialistas locais.
(ler mais...)


Encontro da ADPTN salienta importância da protecção da natureza no Paul do Boquilobo »  2020-06-23 

Os 40 anos da Reserva Natural do Paul do Boquilobo foram o mote para o encontro de solstício de verão da Associação de Defesa do Património de Torres Novas (ADPTN), realizado no passado dia 21, no Largo do Paço.
(ler mais...)


Charneca de Alcorochel: lançado concurso da estrada »  2020-06-18 

Na reunião camarária de 2 de Junho foi finalmente deliberado o lançamento para concurso público da empreitada de beneficiação da estrada Alcorochel - Charneca de Alcorochel, com um orçamento previsto de 345 mil euros e com um prazo de execução de 120 dias.
(ler mais...)

 Mais lidas - Sociedade (últimos 30 dias)
»  2020-07-02  Riachos: obra sem licença avança a todo o vapor
»  2020-06-28  Morreu Manuel Piranga Faria, um homem grande
»  2020-06-23  Assembleia Municipal: Manuel Carvalho "passa-se" com Luís Silva
»  2020-06-14  Hospital: regressam rumores sobre a saída da Pediatria para Abrantes
»  2020-06-25  Fabrióleo: Tribunal Central Administrativo abre portas ao encerramento da empresa