• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
Directora: Inês Vidal   |     Domingo, 18 de Fevereiro de 2018
Pesquisar...
Qua.
 18° / 6°
Céu limpo
Ter.
 19° / 7°
Céu limpo
Seg.
 18° / 7°
Períodos nublados
Torres Novas
Hoje  18° / 6°
Períodos nublados
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

A importância dos intestinos na saúde humana

Opinião  »  2017-09-20  »  Juvenal Silva

"Maioria das doenças da nossa civilização tem origem no mau funcionamento do intestino"

Às vezes, sinto uma certa frustração, quando repetidamente tento sensibilizar as pessoas para um estilo de vida saudável, evitando excessos e erros alimentares.

Sinto uma inquietação quando as pessoas pensam que tudo se resolve com remédios, sejam de que natureza seja, químicos ou naturais. Na maioria das vezes, pedem alguma coisa para as dores de cabeça, para as alergias, para os gases, para a depressão, para o intestino preso, para a respiração, para o cansaço, etc. etc. Então, eu sempre digo que o problema começa na boca, citando um velhinho Mestre que dizia: “Até os peixes têm problemas quando abrem a boca.”
Na boa verdade, maioria das doenças da nossa civilização tem origem no mau funcionamento do intestino, originando doenças alérgicas, tanto epidérmicas como respiratórias, doenças cardiovasculares, artrites, cefaleias, doenças inflamatórias de toda a natureza, incluindo oncológicas e degenerativas.
Apesar dos grandes avanços científicos, as doenças continuam a provocar milhões de mortes e cada vez há mais novas doenças, porque ainda não foram descobertas as causas das doenças autoimunes, as doenças cancerosas e degenerativas.
Normalmente a medicina considera as causas externas como a origem das doenças, nomeadamente os produtos químicos, fungos, vírus, radicais livres, etc. E a origem que desencadeia todo o desequilíbrio interno? E os desequilíbrios criados pelo mau funcionamento dos intestinos, que projetam e disseminam a doença para o organismo, prejudicando a saúde?
Hoje sabemos, porque cientificamente está provado, que o contato entre os maus alimentos que ingerimos e o nosso sistema imunitário, através da passagem pelo sistema digestivo, poderá desencadear doenças crónicas e de carater oncológico, autoimunes, diabetes, obesidade, distúrbios metabólicos, síndrome do cólon irritável.
Bernard Jensen, Médico Norte Americano, escritor e Naturopata, dizia: “Os nossos intestinos são a chave da nossa imunidade.”
Há 3 grandes disfunções intestinais:
- Disbiose intestinal, que se caracteriza por desequilíbrio da flora intestinal, por excessos alimentares como açúcares, excesso de proteínas e gorduras, má mastigação, que dificultam uma boa digestão e provocam o desenvolvimento de inúmeras substâncias tóxicas e putrefação, produzindo doenças graves como tumores.
- Síndrome do cólon irritável é uma doença que pode ser gerada por ansiedade ou stress, mas normalmente os testes que determinam a permeabilidade e a motilidade intestinal revelam a presença de fungos, parasitas ou bactérias patogénicas, como por exemplo a cândida.
- Doença celíaca, caracteriza-se por intolerância e ou alergia ao glúten. O glúten é uma proteína presente em vários cereais como trigo, cevada, centeio, sorgo e muito utilizado nos alimentos industriais como cremes, pudins, gelados, salames, salsichas, mortadela e até medicamentos. Esta é uma doença que exige muita prudência e disciplina na aquisição e ingestão de alimentos, pois a não observação poderá ter consequências fatais.
Um dos principais sinais que o intestino está cheio de impurezas é o aparecimento de espinhas, furúnculos, cravos, eczemas, psoríase e outras inflamações da pele.
O intestino já é considerado pela ciência como o nosso segundo cérebro, tem o seu próprio sistema nervoso e seleciona o que vem dentro de nós.

 

 

 Outras notícias - Opinião


A Igreja, o espírito e o sexo »  2018-02-16  »  Jorge Carreira Maia

A recente declaração do cardeal Clemente sobre abstinência sexual dos católicos recasados e a intensa luta, ao mais alto nível da hierarquia católica, sobre problemas de ordem moral tornam manifesta, mais uma vez, a grande dificuldade que a Igreja Católica enfrenta nas sociedades modernas.
(ler mais...)


A HISTÓRIA DAS TERAPIAS NÃO CONVENCIONAIS »  2018-02-15  »  Juvenal Silva

Quando o ser humano surgiu no planeta, os animais já o habitavam e as plantas já existiam há mais de 400 milhões de anos. As plantas conforme hoje as conhecemos, evoluíram a partir de espécies de algas primitivas.
(ler mais...)


Rankings »  2018-02-15  »  José Ricardo Costa

Até ao 5.º ano do liceu (actual 9.º ano) fui um aluno cujo rendimento andou algures entre o mau e o péssimo. Chumbei alegremente dois anos e devo à simpática benevolência docente não terem sido mais.
(ler mais...)


Gritos mudos »  2018-02-15  »  José Mota Pereira

Cada noite de frio, cada rajada deste vento polar convocam-nos para escutarmos aqueles a quem falta o conforto mínimo do agasalho. Esses são muito mais do que aqueles que se recolhem nos recantos das ruas e recebem nestes dias o aparato mediático com políticos de afecto, oportunidade (ia a escrever oportunista vejam lá) e verbo fácil.
(ler mais...)


A culpa é da árvore? »  2018-02-15  »  Denis Hickel

Ninguém pode ter deixado de reparar que já vamos em Fevereiro e a chuva ainda não foi o suficiente para sairmos da situação de seca e fazer correr os pequenos ribeiros. Ou ainda, que circula nos media que estão 40 milhões de mudas de eucalipto prontas para ir para o solo, seja para recuperar as perdas das áreas ardidas, ou mesmo ampliar a plantação para a indústria da pasta de papel.
(ler mais...)


A efetividade nos postos de trabalho ajuda tudo e todo »  2018-02-15  »  António Gomes

Encontra-se em fase de aplicação o PREVPAP – Programa de Regularização Extraordinário dos Vínculos Precários na Administração Pública.
A lei 112/2017 prevê os procedimentos do processo de regularização dos precários do Estado, onde se incluem os trabalhadores das autarquias locais.
(ler mais...)


Democratizar a mobilidade »  2018-02-15  »  Nuno Curado

Dada a sua dimensão, tenho cada vez mais a opinião de que Torres Novas teria muito a beneficiar com a promoção e melhoria das suas condições de mobilidade suave. Isto é, os meios de deslocação que não envolvem veículos motorizados, seja de bicicleta, a pé ou outro meio não motorizado.
(ler mais...)


"Passeio" pela cidade com o Gustavo »  2018-02-15  »  Anabela Santos

Há convites irrecusáveis…
- Gustavo, vamos à festa de aniversário do LIJ (Lar de Infância e Juventude), na alcaidaria do castelo?
O Gustavo com um sorriso de gozo, olhou para baixo e respondeu:
- Não posso! Ei!!! É o Gustavo.
(ler mais...)


O lado esquerdo da vida »  2018-02-15  »  Margarida Oliveira

É no lado esquerdo do peito que nos bate o coração. É lá o refúgio sagrado da nossa generosidade, abnegação e um profundo amor ao próximo.
Um músculo magnífico, que nos alimenta a razão, também mais assente no lado esquerdo do cérebro, a metade sentimental.
(ler mais...)


Associativismo »  2018-02-15  »  Inês Vidal

Tenho inúmeras vezes vontade de fugir de Torres Novas. Cansa-me o mesmo de sempre, o tudo igual. As mesmas caras, as mesmas políticas, os mesmos políticos, os mesmos problemas, os mesmos passeios, as mesmas vistas, os mesmos limites, e estes sempre tão curtos.
(ler mais...)

 Mais lidas - Opinião (últimos 10 dias)
»  2018-02-09  »  Jorge Carreira Maia A esquerda e os rankings escolares
»  2018-02-16  »  Jorge Carreira Maia A Igreja, o espírito e o sexo
»  2018-02-15  »  Anabela Santos "Passeio" pela cidade com o Gustavo