• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Sexta, 19 Julho 2019    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Seg.
 36° / 15°
Períodos nublados
Dom.
 31° / 15°
Céu nublado
Sáb.
 30° / 17°
Céu nublado
Torres Novas
Hoje  32° / 16°
Períodos nublados
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Pois

Opinião  »  2014-09-25  »  Carlos Tomé

Não consigo encontrar nada de jeito que se leia neste jornal. Parece que não há escândalos cá na terra, ninguém foi atropelado, os amigos do alheio não deram cabo do recheio da ourivesaria da esquina, o vizinho não pôs os cornos à mulher com a mulher-a-dias, a filha da Gertrudes não deu o nó com uma barriga de quatro meses que até teve de ir à igreja com um reposteiro branco armado ao pingarelho para disfarçar o inchaço. Ó homem tu não achas mal? Tu não achas que o jornal devia falar naquilo que realmente interessa e não andar a encher papel com coisas que ninguém percebe, com políticas e mais os tachos para eles que se enchem à custa da gente? Tu não achas, homem?

Pois.

Olha para isto. É só gaitas e mais gaitas. Coisas da Câmara e bonecos com riscos mal amanhados com piadas ordinárias e comunas, opiniões de gajos mal afamados, escritos contra o governo que eles estão fartos de apanhar porrada mas foram eleitos pelo povo e até estão a fazer um trabalho que era preciso há muito tempo, acabar com esses calaceiros que não fazem nada e vivem à nossa custa e sempre viveram acima das suas possibilidades. Não é homem?

Pois.

Andam estes gajos há 20 anos a dizer mal do homem, que foi o único presidente de jeito que a gente teve, a tentar acabar com ele, a gritarem cobras e lagartos, coitado do homem nem podia mijar fora do penico que os gajos vinham logo apontá-lo a dedo. E olha que não houve uma vez que dissessem bem dele, eu já não queria que o propusessem para o nome de uma rua porque não era caso para isso, mas ao menos que lhe passassem a mão pelo lombo. Ao menos que dissessem as coisas boas que ele fez. Agora foi sempre a deitar abaixo que até me complicava os nervos. Pois se o homem até fez o seu dever, claro que já se sabe que os da oposição estavam lá para o contrariar que isso é mesmo assim porque esses só sabem dizer mal, nem sequer tinham categoria para gerir um curral de vacas quanto mais uma Câmara com centenas de pessoas à espera do ordenado ao fim do mês. Havia de ser bonito ver os comunas a tomar conta disto. Ficava tudo a pão e água que era uma beleza. E os do jornal aí é que eles aplaudiam. Nessa altura já diziam bem que eu bem os conheço. São todos da mesma laia. Não é homem?

Pois.

Então mas admite-se lá que nestes anos todos eles não tenham entrevistado aquela malta que deu o corpo ao manifesto estes anos todos, não queriam ouvir as verdades, não era? Bom mas também não entrevistaram os outros da oposição e olha que do PSD passaram por lá mais de uma cabazada deles que eu já nem me lembro dos nomes. Bem fez aquele pessoal que não esteve cá com merdas, ah não dizem a verdade então não vai para lá nem um chavo em publicidade que hão-de sofrer até ficarem mirradinhos de todo que é para verem como elas mordem. E o dinheirito nem que seja umas moedas, nesta coisa dos jornais pobretanas, deve fazer muita falta. Não é homem?

Pois.

E quanto a informações lá da Câmara está quieto, nem abrimos o bico que é para eles não poderem dizer nada, nem bem nem mal. E assim mesmo é que é. Dizem que os da Câmara só têm olhos para o jornal da paróquia que é mais democrático e isento, como eles dizem, ao menos esse publica tudo o que seja a favor da terra, não há inauguração de chafarica que não dê direito a um relambório de fazer tremer o macho, só reportagens com os de lá foram mais de trinta e todas repimpadas que a gente até ficava arrelampada com a coisa. Nem sabia que a nossa terreola pudesse crescer tanto. Obras eram aos molhos e apareciam milhões às sacadas. Era só dar um pontapé numa pedra da calçada e aparecia logo um saco de linhagem cheio de notas. Isso é que eram bons tempos. Lembras-te da azáfama que ia por este concelho fora? Eram gruas por todo o lado. Mas disso estes não falam. Obrigado, não lhes convém. Ó homem passa-me aí mas é o Almonda para ver quem morreu esta semana.

Pois.

 

 

 Outras notícias - Opinião


Umbigos, por Inês Vidal »  2019-07-05  »  Inês Vidal

A política sempre foi um dos assuntos que me deu mais gozo acompanhar enquanto jornalista. Não é novo, já o disse aqui muitas vezes. Encanta-me o jogo, perceber as redes, as pessoas, ver o que as move, como se movem, como a política puxa pelo melhor e revela o pior de quem se envolve.
(ler mais...)


Bloco de Esquerda, Rui Rio, União Europeia e Igreja Católica »  2019-07-05  »  Jorge Carreira Maia

O BLOCO DE ESQUERDA E OS DEPUTADOS. Parece haver divergências entre a distrital de Santarém e a direcção nacional sobre quem deve encabeçar a lista de candidatos pelo distrito às eleições legislativas.
(ler mais...)


PLANTAR ÁRVORES »  2019-07-04  »  António Gomes

As alterações climáticas a que estamos a assistir, e aquelas que nos são anunciadas por estudos científicos, devem ser para levar a sério. O equilíbrio climático a que nos habituámos está em mudança acelerada.
(ler mais...)


Autarquias, professores, padres casados e futebol »  2019-06-20  »  Jorge Carreira Maia

PODER AUTÁRQUICO. Depois da operação Teia, uma nova operação contra detentores – ou ex-detentores – do poder autárquico. Não faço ideia o que pensam presidentes de câmara e vereadores sobre a reputação das autarquias.
(ler mais...)


Democracia, por Inês Vidal »  2019-06-19  »  Inês Vidal

Somos todos pela democracia. Menos quando ganha quem não queremos. Esta coisa da democracia tem que se lhe diga. Que o diga eu que, nunca falhando a umas eleições, nunca vi ganhar nenhumas. Fica sempre um sabor amargo na boca, uma angústia de não ver ganhar quem se quer.
(ler mais...)


O Tempo dos Gelados »  2019-06-19  »  José Ricardo Costa

Uma coisa que a natureza tem de bastante simpático, facilitando-nos a vida, é a sua circularidade. Por exemplo, as estações do ano. Fosse a natureza destrambelhada e nada poderíamos prever, deixando-nos à nora sobre o que fazer no dia seguinte.
(ler mais...)


Problemas de memória »  2019-06-19  »  Hélder Dias

Glifosato Man »  2019-06-19  »  Hélder Dias

Agustina, a crise na direita, a doença da social-democracia e a teia »  2019-06-07  »  Jorge Carreira Maia

AGUSTINA BESSA-LUÍS. O século XX português teve uma mão cheia de excelentes romancistas. A atribuição do Nobel a Saramago reconheceu isso. Se tivesse sido a Agustina, não teria ficado mal entregue.
(ler mais...)


Parabéns, abstenção! »  2019-06-06  »  Anabela Santos

Muito se tem falado, já tudo foi dito e é do conhecimento de todos que as eleições europeias realizadas no dia vinte e seis de Maio trouxeram uma vitória para a esquerda, excepto para o PCP, e uma acentuada derrota para a direita.
(ler mais...)

 Mais lidas - Opinião (últimos 30 dias)
»  2019-06-19  »  Hélder Dias Glifosato Man
»  2019-06-19  »  Inês Vidal Democracia, por Inês Vidal
»  2019-06-19  »  Hélder Dias Problemas de memória
»  2019-06-20  »  Jorge Carreira Maia Autarquias, professores, padres casados e futebol
»  2019-06-19  »  José Ricardo Costa O Tempo dos Gelados