• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Quarta, 27 Outubro 2021    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Sáb.
 22° / 17°
Céu muito nublado com chuva moderada
Sex.
 19° / 16°
Céu muito nublado com chuva moderada
Qui.
 24° / 10°
Céu nublado com chuva fraca
Torres Novas
Hoje  26° / 12°
Céu limpo
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 
 Últimos artigos por...

José Mota Pereira

 

O cronista divaga numa tarde de verão - josé mota pereira »  2021-08-30 

A mãe da ML trabalha por turnos. Muitos dias da semana o horário de saída do trabalho vai para além do horário do infantário onde a ML passa os dias. Tal como acontece com muitos meninos e meninas deste país, tem calhado à avó (que ainda trabalha) a tarefa de ir buscar a menina ao infantário ao fim da tarde e com ela passar o tempo até a entregar à companhia ma... (ler mais...)


Obras - josé mota pereira »  2021-07-17 

 O privilégio de vivermos em 2021 e de dispormos da internet permite que através das redes sociais ou nalguns sites mais específicos (visitem o Ephemera, de Pacheco Pereira) possamos ir acompanhando as apresentações e os programas eleitorais das diversas candidaturas autárquicas, dos diversos partidos, coligações e movimentos de independentes, um pouco por todo o país.

... (ler mais...)

A última moda - josé mota pereira »  2021-07-04 

Regista o anedotário associado ao poeta Bocage, que andando maltrapilho pelas ruas que quando o questionavam pelo estado andrajoso com que se arranjava, respondia invariavelmente que esperava a última moda para arranjar novos trajes.

 Também na política, a nacional ou a local, há sempre quem esteja à espera da última moda, a grande novidade, a estrela reluzente, inesperada e surpree... (ler mais...)


A GELATINA LARANJA - josé mota pereira »  2021-05-10 

Há alguns meses neste jornal apontei o desaparecimento político local do PS e das suas estruturas restringindo todas as suas posições sobre a realidade local, regional e nacional às posições estritamente assumidas pelos seus autarcas na Câmara e Assembleia Municipal.

Hoje, constata-se que o vazio não é exclusivo do PS e alastra ao PSD. Tendo já apresentado publ... (ler mais...)


Rever a revisão, já! - josé mota pereira »  2021-04-10 

 

 Recuemos no tempo. Entremos numa máquina do tempo e cliquemos no botão que nos leve até ao ano de 2001. Recordemos vagamente que em 2001:

 - Caíram as Torres Gémeas em Nova Yorque em 11 setembro.

- Caiu a Ponte de Entre os Rios.

- Foram assassinados seis empresários portugueses em Fortaleza, no Brasil.

- Casimiro Afonso conhecido como Zé ... (ler mais...)


UM PARTIDO COM GENTE DENTRO »  2021-03-06 

Há efemérides incontornáveis. Uma delas, é o centenário do PCP, que se comemora a 6 de Março deste ano. Independentemente das opções de cada um, é impossível ignorar o significado dos 100 anos do PCP - o Partido Comunista Português. Ou como a maioria dos seus militantes se lhe referem, simplesmente, o Partido.

Nascido em 1921, quatro anos depois da Revolu&ccedi... (ler mais...)


FUI À MANIF DA DIREITA E NÃO FOI BOM - josé mota pereira »  2021-02-05 

Nasci em 1973 numa manhã de Outubro, poucas horas depois de ter “estado” numa sessão da Oposição Democrática realizada no Teatro Virgínia. Decorria uma farsa eleitoral organizada pelo regime fascista que poucos meses depois em Abril de 1974 seria derrubado. Envolvido numa família de esquerda politicamente activa, a minha participação desde a infância em manifesta&... (ler mais...)


DAR VOZ AO TRABALHO - josé mota pereira »  2021-01-10 

Entrados na terceira década do século XXI, o Mundo dos humanos permanece o lugar povoado das injustiças, da desigualdade e do domínio de uns sobre os outros. Não é a mudança dos calendários que nos muda a vida. Afinal é simples, não nos basta mudar o calendário.

O ano de 2021 apresentou-se-nos envergonhado com os povos recolhidos pela biologia de uma pandemia ... (ler mais...)


Um conto breve para o natal possível* »  2020-12-19 

Parti naquela noite de Primavera em que os mais velhos organizaram quase em segredo as festas de Santa Iria. No largo da igreja de Tagarra, saíram canções antigas do acordeão do Abel Trancas e dançou-se clandestinamente valsas quase esquecidas.
Em todos os lugares do Mundo, aplica-se há cinquenta anos a Lei Suprema da Civilização. Em defesa da higiene social vital para a Sociedade O... (ler mais...)


A BOLA – DE DEUS E DA TERRA - josé mota pereira »  2020-12-06 

1. DEUS

Nasceu destinado à genialidade pelos campos de futebol do planeta. A certidão de nascimento, nomeou-o Diego Armando Maradona, sul-americano da Argentina. Partiu para a imortalidade poucos dias depois de cumprir 60 anos de vida.
O coração do pequeno génio parou, disseram os jornais.
E nós revimos as imagens todas, as fintas, os golos, um pé esquerdo único.

<... (ler mais...)

Onde pára o PS? - josé mota pereira »  2020-11-21 

Vivi algum tempo nos Açores, onde contactei com uma realidade social e política muito diversa daquela a que estava habituado por estas paragens. Nesse período, a transição do poder político passava de Carlos César para o seu sucessor, Vasco Cordeiro, de forma absolutamente tranquila, com o PS exercendo uma maioria eleitoral que a toda a gente parecia vir a ser eterna.

Só vivendo n... (ler mais...)


FUI LÁ ATRÁS, VOLTO JÁ - josé mota pereira »  2020-11-06 

Passados três meses da sua aquisição, o smartphone decidiu entregar a alma ao criador, pelo que o cronista teve que o substituir temporariamente, aguardando a devida recuperação do paciente tecnológico. Sendo a doença temporária e recuperável no prazo razoável de três semanas, decidiu o cronista investir a modesta quantia de cerca de vinte moedas de euros na aquisi&cced... (ler mais...)


O pau da República - josé mota pereira »  2020-10-09 

Na manhã outonal do 5 de Outubro de 2020, erguia-se majestoso no topo da praça o vigoroso mastro aguardando a bandeira republicana que deveria ter vindo. Vão longe os tempos da praça, que ainda antes ser deste dia de Outubro tinha o nome do último Bragança e recebia a visita do jovem rei dom Manuel, entre os aplausos da multidão que acenando ao ilustre lhe atirava "viva o rei dom manelinho que &... (ler mais...)


O ESPELHO - josé mota pereira »  2020-09-28 

Em 1992, ainda a RTP era a televisão única. Todas as quartas-feiras à noite o serão é dedicado a entrevistas protagonizadas por Carlos Cruz a uma série de personalidades. O espaço chama-se precisamente “Carlos Cruz - Quarta Feira” e numa noite a entrevista resultou numa conversa amena e franca. Porque entrevistador e entrevistado se entregaram um ao outro deixando para arquivo uma en... (ler mais...)


O rio do fururo - josé mota pereira »  2020-09-01 

Nos diferentes modelos de desenvolvimento para o concelho, há que reconhecê-lo, os poderes municipais estão muitas vezes limitados nos seus poderes de decisão. Mas, as suas decisões – ou não decisões – e aquilo que consideram estratégico, tem reflexos e consequências para o futuro dos concelhos.

Em Torres Novas, é assumido pelo poder autárquico que o... (ler mais...)


O AGOSTO QUE VIER - josé mota pereira »  2020-08-19 

Foi numa manhã de Agosto, que a Humanidade perdeu toda a vergonha, se é que ainda lhe sobrava alguma. Na cidade de Hiroshima, o cogumelo da morte subiu pelos ares semeando a morte e a destruição num dos maiores crimes cometidos contra a Humanidade. Um crime cometido pelos Estados Unidos da América para resolução de uma guerra que já estava resolvida. A devastaç&ati... (ler mais...)


As nossas vozes - josé mota pereira »  2020-07-27 

Muitas vezes, a comunicação social local é acusada de ser um instrumento ao serviço do caciquismo.

 Outras tantas vezes, também não é difícil de desmentir que a comunicação social local e regional (jornais e rádios) é apenas páginas de jornais ou horas de rádio vazias desprovidas de conteúdo ou interesse.

 Injusta ... (ler mais...)


TORRES NOVAS EM 1985: parabéns, cidade! - josé mota pereira »  2020-07-18 

Em 1985, as pessoas da zona alta vinham à vila. E diziam-no quando vinham ao centro! Ainda hoje, passados 35anos, vem-se à vila. Eram bem diferentes os limites físicos. A vila terminava junto à capela de Santo António e todas as urbanizações circundantes à Av. Sá Carneiro eram inexistentes. O Colégio Andrade Corvo era considerado fora da vila e a Serrada Grande era um lugare... (ler mais...)


SEQUESTRADOS - josé mota pereira »  2020-07-03 

Parece inevitável que no próximo ano, ano e meio, possamos desconfinar mais do que estamos. A surgirem alterações, será sempre no sentido do aumento do confinamento e não o seu contrário. Sem prazo à vista para que nos libertemos disto.
Até lá, temos de suportar o sequestro da vida social do ser humano. Suportar o sequestro do convívio familiar e dos amigos. A s... (ler mais...)


Dois mitos do desenvolvimento em Torres Novas - josé mota pereira »  2020-06-18 

O mito do emprego da “porta norte”

Nos últimos anos, a partir do posicionamento entre a A1 e a A23 que a estratégia(?) de desenvolvimento da economia e do emprego tem sido quase em exclusivo a instalação de bases logísticas das cadeias de distribuição/hipermercados. De facto, hoje quase todas as principais cadeias têm aqui instaladas bases de distribui&... (ler mais...)


 

 Mais lidas - Opinião (últimos 30 dias)
»  2021-10-21  »  Pedro Ferreira Fundamentalismo eleitoral (III) - pedro ferreira
»  2021-10-17  »  José Ricardo Costa A Faixa - josé ricardo costa
»  2021-10-15  »  Hélder Dias Juventude centriste…
»  2021-10-13  »  Jorge Carreira Maia Um olhar sobre as eleições concelhias - jorge carreira maia
»  2021-10-17  Ressaca - carlos paiva